Iluminação – Tipos de Lâmpadas


Este post explica os tipos de lâmpadas e sua utilização nos espaços interiores e exteriores.

Curiosidade: você sabia que o estudo da iluminação artificial se define como Luminotécnica?

Através das lâmpadas conseguimos deixar um ambiente mais aconchegante ou animado, dependendo de cada cômodo. Para isso, existem os tipos de iluminação:
1. Direta – distribuída de forma geral
2. Indireta – luz suave, suja fonte não é visível
3. Pontual – focada em somente um objeto

Por exemplo, salas e quartos necessitam de conforto enquanto cozinhas, lavanderias, escritórios e banheiros precisam de mais luz.

Confira abaixo os tipos de lâmpadas:

1. Lâmpadas incandescentes
De luz amarela, são as mais populares. Duram até 1000 horas, vida útil pequena se comparada aos outros tipos de lâmpadas. Muito utilizada em residências porém emitem muito calor e aumentam o consumo de energia – transforma 95% da eletricidade em calor e apenas 5% em luz.

Uso: Em residências e espaços comerciais – para iluminação geral (em pendentes, plafons, lustres), iluminação decorativa ou de efeito (abajures, arandelas, luminárias de piso). Os modelos de lâmpadas espelhadas são para o uso em spots, para que a luz não seja desperdiçada, mas sim focada. Também estão presentes na iluminação interna de fogões e geladeiras.
incandescentes

 

2. Lâmpadas Halógenas
Parecidas com as incandescentes, porém mais potentes. Halógenas são ideais para destacar a decoração com facho de luz direcionado que valoriza pontos ou objetos da decoração. Para iluminação geral, o uso é embutido em sancas de gesso. Possui cerca de 2 a 4 mil horas de vida útil e economia de 20 a 40% se comparadas às incandescentes.

Uso: Indicadas para residências e comércios, podem ser utilizadas em pendentes, lustres e em spots embutidos. Alguns modelos estão disponíveis em diferentes cores.
halogenas

 

3. Lâmpadas Fluorescentes
É 80% mais econômica que lâmpadas incandescentes e possui vida útil longa. São conhecidas como lâmpadas frias ou de luz branca. Já existem os modelos luz amarela que substituem, à altura, as lâmpadas incandescentes. É uma ótima escolha para garantir iluminação de qualidade e economia na conta de luz.

Uso: Substituem as lâmpadas incandescentes e podem ser utilizadas na iluminação geral de residências e comércios (em pendentes, plafons, lustres), iluminação decorativa ou de efeito (abajures, arandelas, luminárias de piso).
fluorescentes

 

4. LED
Modernas, a redução de até 90% do consumo de energia é um dos principais benefícios. Com cerca de 50 mil horas de vida útil, não há no mercado outra lâmpada com durabilidade tão alta quanto às lâmpadas de LED, que ainda não ganharam tanta popularidade devido ao preço, bem superior aos dos demais tipos.

Uso: Iluminação de destaque em ambientes residenciais e comerciais. Podem ser utilizadas em spots (sobre bancadas, objetos decorativos), arandelas (criar efeitos na parede), balizadores (iluminação de corredores e escadas) e na iluminação de fachadas.
led

 

5. Fibra Óptica
É um filamento de vidro ou de elementos poliméricos utilizado para transmitir a luz. Isto é, ao lançar um feixe de luz em uma das extremidades do filamento de fibra, esta parte de luz percorre toda a fibra por meio de reflexões sucessivas até “sair” pela outra extremidade, isto em uma velocidade altíssima.
É necessária apenas uma fonte geradora de luz para que esta possa percorrer o(s) cabo(s) de fibra óptica e assim iluminar vários outros pontos. Por isto, a iluminação com fibra óptica é considerada econômica, de baixa manutenção e segura – os filamentos transmitem a luz e não a energia elétrica.

Uso: É ideal para iluminação de efeito, em detalhes arquitetônicos, forro de gesso, painéis, móveis / nichos, jardins, piscinas e em vitrines de lojas. Garante maior liberdade na criação de efeitos luminotécnicos.
fibra

 

6. Neon
A lâmpada de neón é composta por um tubo com gás neón em seu interior. Quando submetida à eletricidade, a lâmpada de neón emite uma luz vermelha (diferentes gases produzem diferentes cores). A tensão necessária para o funcionamento do tubo dependerá das dimensões deste e do gás utilizado, pode ser direto da rede ou com transformador.

Uso: É utilizada para iluminação decorativa, principalmente comercial. Seu inconveniente é o ruído emitido pelo reator.
neon

Referências: http://www.cliquearquitetura.com.br/portal/dicas/view/tipos-de-lampadas/45
http://caras.uol.com.br/decoracao/lampada-decoracao-ambientes-luz-dicas-iluminacao#.U0VdIfldWVJ
http://blog.casashow.com.br/conheca-os-principais-tipos-de-lampadas-e-suas-caracteristicas/
http://www.dcoracao.com/2011/07/iluminacao-tipos-de-lampadas.html

Anúncios

Um comentário sobre “Iluminação – Tipos de Lâmpadas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s